sábado, maio 18, 2024
Home > Notícias > Presidente João Lourenço chega hoje à capital de Cuba

Presidente João Lourenço chega hoje à capital de Cuba

O Presidente da República, João Lourenço, chega hoje à cidade de Havana para participar na Cimeira do Grupo dos 77+China, que decorre de quinta-feira a sábado na capital cubana.

O Chefe de Estado participa na Cimeira a convite do Presidente cubano, Miguel Diaz-Canel Bermúdez, formalizado quando esteve em Angola em Agosto último e que serviu para impulsionar as relações entre os dois países ao mais alto nível.

Depois da abertura do evento, segundo um comunicado da Presidência da República, que prevê discurso também do Secretário-Geral da ONU, António Guterres, segue-se um debate geral com os estadistas, durante o qual terão a oportunidade de exprimir as ideias à volta do tema e fazer outras considerações sobre a realidade actual do mundo.

A Cimeira de Havana, que se realiza sob o lema “Desafios actuais do desenvolvimento: Papel da Ciência, Tecnologia e Inovação”, foi convocada pelo Chefe de Estado cubano, Miguel Diaz-Canel Bermúdez, na qualidade de presidente do Grupo dos 77 + China.

Prevê-se, igualmente, um encontro das delegações na noite de sexta-feira no Palácio da Revolução (sede do poder político em Cuba) para uma recepção oferecida aos convidados pelo anfitrião.

Esta cúpula é uma coligação de países fundada em 1964 e vocacionada à promoção dos interesses económicos colectivos dos Estados-membros, com vista à criação de uma maior capacidade de negociação conjunta.

No quadro das relações entre Angola e Cuba, os dois Estados rubricaram, em Agosto, três Memorandos de Entendimento nos domínios do Turismo, Saúde e Promoção de Investimentos.

A assinatura dos instrumentos jurídicos foi testemunhada pelos dois Chefes de Estado, João Lourenço e o homólogo cubano Miguel Díaz-Canel Bermúdez.

No domínio do Turismo, foi rubricado o Memorando de Entendimento entre o Ministério da Cultura e Turismo de Angola e o do Turismo da República de Cuba. No sector da Saúde, foi assinado o Memorando de Entendimento entre a Agência Reguladora de Medicamentos (ARMED) de Angola e o Centro de Controlo Estatal de Medicamentos, Equipamentos e Dispositivos Médicos de Cuba (CECMED).

Foi assinado, também, o Memorando de Entendimento para a Promoção de Investimentos entre o Escritório da Zona Especial de Mariel, da República de Cuba, e a Sociedade de Desenvolvimento da Zona Económica Especial Luanda-Bengo,  da República de Angola.

Na ocasião, João Lourenço considerou o nível da cooperação entre Angola e Cuba abaixo do que é exigido pelos dois povos. “O objectivo destas visitas oficiais e visita de Estado, quer nossa a Cuba, quer das entidades cubanas a Angola, é, precisamente, corrigirmos esta situação. Ou seja, trabalharmos no sentido de colocarmos o nível de cooperação económica entre os nossos dois países, pelo menos, igual ao nível das relações de amizade entre os nossos dois povos”.

Os instrumentos jurídicos assinados, sublinhou o Presidente da República, respondem a esta pretensão das autoridades angolanas e cubanas de levantar a fasquia no que diz respeito às relações de cooperação económica entre os dois países.

Por sua vez, o Presidente da República de Cuba, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, ressaltou a importância demonstrada pelos dois países no aprofundamento da cooperação bilateral:

“Temos demonstrado uma importância muito intencional nessas conversações de aprofundamento das relações bilaterais, sobretudo  com o propósito de elevar o alcance das relações económicas, comerciais e financeiras ao mesmo nível em que se encontram as excelentes relações políticas”.

Além disso, o estadista cubano reafirmou a vontade do seu país continuar a ampliar a cooperação, a colaboração, a amizade e a solidariedade com a República de Angola.

Fonte: JA

Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial