quarta-feira, maio 22, 2024
Home > Notícias > Luanda e Cabinda são as províncias com mais desempregados em Angola, diz relatório do INE

Luanda e Cabinda são as províncias com mais desempregados em Angola, diz relatório do INE

De acordo com os números disponibilizados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), em 4,9 milhões de jovens, entre os 15 e os 24 anos, apenas 2,2 milhões têm emprego. Uma taxa de desemprego de mais de 54%. O relatório do INE dá conta que a província do Cuanza Sul é a que tem os melhores índices de empregabilidade, com uma taxa de mais de 81% dos ativos, empregados, seguida de perto pela província do Uíge, com uma percentagem de pouco mais de 80%.

Em sentido inverso, segundo o mesmo relatório anual sobre o emprego do INE, as províncias com menores taxas de emprego são as províncias de Luanda e Cabinda, ambas com uma taxa de emprego de pouco mais de 41%.

Conforme os mesmos dados, mais de 57% dos empregos são gerados na agricultura, enquanto os outros 37% são gerados no sector dos serviços e apenas cerca de 5% é gerado no sector da indústria, construção, energia e águas.

Refira-se que outro dado de realce no relatório do INE tem que ver com a diferença entre a taxa de emprego na área rural e na área urbana, sendo bastante significativa. Enquanto 79,8% dos ativos na área rural têm emprego, o que faz uma taxa de desemprego de pouco mais de 20%, na área urbana os números caem para os 48%, com uma taxa de desemprego de pouco mais de 50%. Contas feitas, apurou-se que mais de metade dos desempregados estão na faixa etária de até 24 anos. São exatos 2,7 milhões de jovens com até 24 anos desempregados.

Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial