sábado, março 2, 2024
Home > Notícias > Supremo começa a julgar ex-embaixador de Angola na Etiópia no dia 13 – Arcanjo do Nascimento é acusado de peculato, corrupção passiva e branqueamento de capitais

Supremo começa a julgar ex-embaixador de Angola na Etiópia no dia 13 – Arcanjo do Nascimento é acusado de peculato, corrupção passiva e branqueamento de capitais

O Tribunal Supremo agendou para o próximo dia 13 de Dezembro o início do julgamento do ex-embaixador de Angola na Etiópia, Arcanjo do Nascimento, acusado de peculato, corrupção passiva e branqueamento de capitais.

O ex-embaixador de Angola na Etiópia e representante permanente junto da União Africana, Arcanjo Maria do Nascimento, foi detido preventivamente em Maio de 2019 “por existirem fortes indícios de ter cometido os crimes de peculato, corrupção passiva e branqueamento de capitais”.

A informação foi na altura avançada pela Procuradoria Geral da República através de um comunicado onde tornava público que o ex-diplomata foi submetido a um interrogatório na Direcção Nacional de Investigação e Acção Penal (DNIAP).

No mesmo comunicado lia-se que “o Ministério Público, perante os novos elementos de provas careados no processo número 48/2018, com vista a salvaguardar o interesse da investigação e por se mostrar necessária e adequada, foi aplicada ao arguido “a medida de coacção pessoal de prisão preventiva”.

Arcanjo Maria do Nascimento foi exonerado pelo Presidente da República em Outubro de 2018. Exercia o cargo de embaixador extraordinário e plenipotenciário de Angola acreditado na República da Etiópia e representante permanente junto da União Africana desde Junho de 2011.

Fonte: NJ

Please follow and like us:

Leave a Reply

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial