terça-feira, maio 21, 2024
Home > Crime > Onda de assaltos preocupa moradores da Cidade do Kilamba

Onda de assaltos preocupa moradores da Cidade do Kilamba

Moradores da Centralidade do Kilamba, no município de Belas, província de Luanda, estão agastados com o elevado índice de assaltos, que tem ocorrido nos últimos tempos.

Os assaltos têm sido mais frequentes em residências do rés-do-chão e primeiro andar, e em viaturas nos parques de estacionamento, onde o roubo de placas electrónicas é, agora, bastante comum pela calada da noite.

Os moradores explicaram que estas situações têm provocado inquietação, daí apelarem à intervenção reforçada da Polícia.

O cidadão António Manuel disse à nossa reportagem que, no dia 1 de Novembro, a sua viatura de marca Toyota Hiace, vulgo “Quadradinho”, foi alvo de furto de duas placas electrónicas, avaliadas em cerca de 300 mil kwanzas.

António Manuel explicou que chegou a casa, por volta das 22 horas, saindo do serviço, como é habitual, estacionou o carro no parque, onde ficam outras viaturas. No dia seguinte, às 6h00, ao entrar no veículo, notou que as portas estavam abertas, com vários pedaços de cabos que ligam as placas electrónicas.

Bernardo Miguel, morador do Bloco U34, disse que os meliantes roubaram há dias a sua viatura, também de marca Toyota, apresentou queixa-crime à Polícia Nacional.

Outro morador da cidade, identificado por Móises Júlio, mostrou-se, também, descontente com a onda de assaltos que, nos últimos tempos, tem assolado os moradores da cidade, ao denunciar que os marginais têm escolhido o período da noite para praticar roubos  a viaturas e residências.

“Fui alvo de um assalto, em que me levaram a pasta de documentos, telemóvel e um fio de ouro, por dois jovens que circulavam de motorizada, no parque”, contou o morador.

A moradora Isabel de Barros, que viu também a  viatura de marca Hyundai Accent, vandalizada, e a placa electrónica roubada, apelou à Polícia Nacional e ao Serviço de Investigação Criminal para redobrarem a vigilância nocturna.

Outra preocupação que aflige os moradores da Cidade do Kilamba tem a ver com os assaltos realizados, durante o período diurno, em que os jovens puxam as carteiras de mulheres, telefones e outros haveres e se colocam em fuga.

Benvinda Cipriano, de 56 anos, moradora na cidade desde 2019, denunciou que muitos jovens fumam liamba à luz do dia, nos bancos de alguns edifícios, sem qualquer receio de serem detidos. Acentuou que alguns pernoitam nos referidos assentos da rua, presumindo que sejam estes os principais suspeitos dos assaltos.

Os moradores reconhecem os esforços da Polícia para assegurar a ordem pública, porém pretendem um maior desdobramento dos efectivos, no sentido de verem atenuados os assaltos.

O jornal contactou o porta-voz da Polícia Nacional, em Luanda, Nestor Goubel, e este prometeu pronunciar-se sobre o assunto nos próximos dias.

Fonte: JA

Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial