sexta-feira, junho 14, 2024
Home > Crime > Marginais matam a tiro comandante da Polícia Nacional do Cabo Ledo

Marginais matam a tiro comandante da Polícia Nacional do Cabo Ledo

Elementos não identificados mataram a tiro o inspector-chefe da Polícia Nacional, Paulo Fragata de 42 anos, comandante da Polícia Fiscal do Cabo Ledo, na sua residência, no bairro das casas “Azuis”, no município do Talatona, e levaram consigo o telemóvel e a pistola deste oficial, soube à imprensa.

Os marginais deslocaram-se numa motorizada não identificada e, após o cometimento do homicídio, colocaram-se em fuga, estando a ser procurados pelas unidades de polícia que tomaram conta deste caso, cujos contornos estão ainda por explicar, nomeadamente se se tratou de um eventual ajuste de contas.

Segundo o comando provincial de Luanda da Polícia, o facto ocorreu no Domingo quando a vítima se encontrava à porta da sua residência, fazendo o uso do telefone, quando foi surpreendido pelos marginais que de seguida o atingiram na região do peito.

Os familiares e vizinhos ainda tentaram socorre o comandante para o Hospital Geral de Luanda, mas este faleceu no caminho.

Relatam as testemunhas que o inspector-chefe resistiu ao assalto quando foi baleado com um tiro no peito.

O comando provincial da Polícia Nacional assegurou que as diligências prosseguem para se encontrar e responsabilizar os culpados da morte deste oficial da polícia.

Fonte: NJ

Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial