Sábado, Julho 20, 2024
spot_img
spot_img
spot_img
InícioInternacional6 mortos e mais de 36 mil pessoas afectadas pelas cheias no...

6 mortos e mais de 36 mil pessoas afectadas pelas cheias no sul de Moçambique

Subiu de 4 para 6 o número de óbitos provocados pelas chuvas que desde terça-feira causaram inundações na cidade e província de Maputo no sul do país. O desabamento de habitações e electrocução estão entre as principais causas das mortes.

As autoridades moçambicanas continuam a contabilizar os estragos causados pelas chuvas na província de Maputo, sendo que o número de óbitos continua a subir, como explica Wilson Manhique, técnico do Instituto Nacional de Gestão de risco de Desastres, INGD.

“Os óbitos são seis, dos quais quatro em Boane, que é um homem electrocutado, duas crianças por desabamento de casas, também um adulto por desabamento de casas, mas no total na província de Maputo, temos 17.980 pessoas e isso corresponde a a 3596 famílias”, declara o técnico.

Associado aos dados da cidade de Maputo, o número de pessoas afectadas tem estado a subir, segundo a presidente do Instituto Nacional de Gestão de risco de Desastres, Luísa Meque .

“Estamos neste momento com 36.707 pessoas afectadas, o que corresponde a 7.354 famílias. Em termos de casas inundadas, são 7.354 casas e os impactos da província de Maputo foram os distritos de Boane, Moamba, Manhiça e Namaacha”, informa a responsável.

As chuvas na província de Maputo continuam a cair sem parar desde a passada terça-feira, deixando pessoas ainda sitiadas em vários pontos onde seria apenas possível o seu regaste através de meios aéreos ainda inexistentes.

Fonte: rfi

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE-spot_img
0FãsCurtir
SeguidoresSeguir

MAIS LIDAS