terça-feira, maio 21, 2024
Home > Notícias > JES em Luanda: Isabel dos Santos reage, dizendo que ″o ódio dos homens falou mais forte″ – ″Eu não te poderei levar à tua última morada″, afirma filha mais velha de Zédu

JES em Luanda: Isabel dos Santos reage, dizendo que ″o ódio dos homens falou mais forte″ – ″Eu não te poderei levar à tua última morada″, afirma filha mais velha de Zédu

A filha mais velha de José Eduardo dos Santos acaba de reagir à entrega do corpo do pai à sua viúva, Ana paula dos santos, que já está a caminho de Luanda com os restos mortais do ex-Presidente. Nas redes sociais, Isabel dos Santos escreveu que “o ódio dos homens falou mais forte hoje”.

“Meu Pai levaste-me ao Altar e…. eu não te poderei levar à tua última morada”, escreveu Isabel dos Santos numa mensagem acompanhada por uma fotografia do seu casamento.

“Sempre sonhaste tudo de bom pra mim… e eu pra ti … o ódio dos homens falou mais forte hoje …Arrancaram-te dos meus braços… desculpa…te amo …por ti choro”, diz, por fim, Isabel dos Santos, assumindo esta derrota pessoal, depois de um tribunal espanhol ter ordenado, no dia 16, que o corpo de José Eduardo dos Santos fosse entregue à sua viúva, Ana Paula dos Santos, de quem estava separado há vários anos.

O mesmo tribunal concedeu autorização para “o repatriamento e transferência internacional” dos restos mortais do ex-Presidente para Angola, pondo fim a uma polémica que durou mais de um mês e começou antes da morte de JES, quando este ainda se encontrava vivo mas ligado às máquinas, numa clinica em Barcelona, onde há vários anos estava a ser acompanhado por causa de um cancro.

Os filhos mais velhos recusaram, desde o início, que o corpo do pai fosse entregue à viúva e ao Governo de João Lourenço.

O ex-Presidente José Eduardo dos Santos morreu no dia 8 de Julho, em Barcelona, na clínica onde estava internado nos cuidados intensivos, depois de ter sofrido um AVC. “Zédu”, como era também conhecido em Angola, governou o País durante 38 anos. Deixou o poder em 2017 e a sua morte marcou o fim de uma era em Angola.

De acordo com um comunicado da Comissão para a Organização da Cerimónia Fúnebre “a data e o programa das exéquias serão oportunamente comunicados”.

Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial