terça-feira, maio 21, 2024
Home > Notícias > Adolescente acusado de furtar AKZ 15 mil suicida-se no Huambo

Adolescente acusado de furtar AKZ 15 mil suicida-se no Huambo

Um adolescente de 14 anos de idade suicidou-se esta semana, no bairro Calilongue Buta, arredores da vila municipal do Ucuma, 97 quilómetros da cidade do Huambo, após ser acusado e repreendido pelos próprios pais por supostamente ter furtado, em casa, 15 mil kwanzas (AKZ).

De acordo com a fonte do Comando Provincial do Huambo da Polícia Nacional, que decidiu preservar a identidade da vítima e dos pais, os progenitores reclamaram da falta de valores monetários e acusaram o menino de os ter furtado, manifestado ainda o interesse de encaminhar o caso aos órgãos de justiça, para desencorajar tal prática no convívio familiar.

Refere igualmente que o menino não conseguiu gerir o desentendimento, que terminou com o suicídio, através de um cabo eléctrico amarrado no pescoço, numa altura em que os demais membros da família pensavam que se encontrava a descansar.

A PN lamentou incidente, pois que além de ser uma “mágoa para família”, trata-se de uma morte prematura que chocou os munícipes do Ucuma, em particular do bairro Buta.

Explicou ainda que, segundo os progenitores, os aludidos valores faziam parte da poupança do casal, antevendo a construção de uma nova moradia, pois que a actual residência não oferece óptimas condições de habitabilidade.

Por sua vez, o soba do bairro Calilongue Buta, Emílio Muhepa, disse estar “profundamente chocado com a situação”, tendo apelado à uma maior atenção, por parte dos pais e encarregados de educação, na instrução dos filhos, para melhor gestão dos conflitos a nível da família, principalmente, quando se trata de lidar com adolescentes ou mesmo jovens.

Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial